Black Blue Cab.png
Buscar

Lançamentos: Nell and The Flaming Lips | Red Right Hand (Nick Cave cover)

A intrigante história de uma adolescente britânica estreante, uma famosa banda indie-psicodélica americana e uma canção de um ícone alt-gótico australiano.



Nell & The Flaming Lips compartilham um vídeo para ‘Red Right Hand’ de seu álbum de covers de Nick Cave, ‘Where the Viaduct Looms’. O álbum é composto por nove versões cover de músicas do Nick Cave com vocais e instrumentação de Nell Smith, de 14 anos, e instrumentação e produção de The Flaming Lips.


A intrigante história conjunta começou quando Smith, originalmente de Leeds (Reino Unido), mudou-se para o Canadá e conheceu com sua família em 2018 Wayne Coyne aos 12 anos no show do The Flaming Lips no Sled Island Festival em Calgary. Nell já havia comparecido a vários shows do Lips e era uma presença constante na frente do palco, vestida com uma fantasia de papagaio e gritando as músicas da banda. Coyne logo começou a notar a criança no terno de papagaio e cantou um cover de David Bowie diretamente para ela no show em Calgary, com Nell cantando cada palavra de volta.

Um vínculo musical se formou com Coyne mantendo contato com Nell e seu pai Jude enquanto ela aprendia a tocar guitarra, e seu relacionamento criativo começou a florescer quando ela começou a escrever suas próprias canções.

Quando uma viagem planejada para gravar com a banda em Oklahoma teve que ser cancelada devido ao covid, Coyne sugeriu que Nell gravasse algumas canções de Nick Cave e as enviasse por e-mail para Oklahoma para serem apoiadas pela banda. Coyne escolheu Nick Cave porque Nell não o conhecia e não teria noções preconcebidas sobre como cantar as músicas.


Quando questionada sobre a experiência, Nell comenta: “Ainda não consigo acreditar. Foi uma curva de aprendizado realmente íngreme, mas Wayne foi tão encorajador quando eu estava com dificuldade em algumas das músicas que continuei. Eu não tinha ouvido falar de Nick Cave, mas Wayne sugeriu que deveríamos começar com um álbum de suas versões cover e, em seguida, começar a gravar algumas de minhas próprias canções mais tarde. Foi legal ouvir e aprender sobre Nick Cave e escolher as músicas que queríamos gravar.”

Em um acréscimo agradável à história, o próprio grande homem deu seu selo de aprovação à colaboração. Alertado sobre o cover por um fã, Nick Cave levou a versão ao seu site The Red Hand Files para escrever: “Essa versão de 'Girl in Amber' é simplesmente adorável. Eu ia dizer que Nell Smith habita a música, mas isso está errado; ela desocupa a música, de uma forma que eu nunca poderia fazer”. “Eu sempre achei difícil me afastar dessa música em particular e cantá-la com sua remoção necessária; fiquei simplesmente tão confuso com as palavras, eu acho. Nell mostra uma compreensão notável da música, uma sensação de desapego que é bela e arrepiante. Eu simplesmente amo isso. Eu sou um fã."



Curta, comente, compartilhe!


0 comentário

Posts recentes

Ver tudo